VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

quarta-feira, 28 de agosto de 2013

Lua Arredia

Lua Arredia

clip_image002

Retrato e amor escondido

Servem ao amor de guarida;

Buscam calor, refletido,

Nessa emoção compartida.

 

Vale-se então de um mendigo

À última rua, perfídia,

Sôfrega, ao povo movido;

Rua de lua arredia.

 

Nesse visor comovido,

Certa é a afeição irreprimida;

Todo o buscado é perdido

Nesse roteiro de vida.

3 comentários:

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Yayámiga

Hoje é apenas para te convidar a ler e a comentar um texto meu: Perguntas ao Futuro. Creio que está satisfatório. Obrigado

Henrique

✿ chica disse...

Linda poesia e inspiração! beijos,tudo de bom,chica

Eulalia Isabel disse...

me gusta,...

saludos