Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

quinta-feira, 23 de janeiro de 2020

Outros Tempos

Outros tempos


A procissão vai às praias,
Coloridas sandálias
De um tempo que passou;


Pistas se tornam ralas,
Essas parafernálias
Que a juventude ousou.


Longe de tantas malhas


Mudo é o vento que soou.

quarta-feira, 22 de janeiro de 2020

Experiência

Experiência


Caminhos conhecidos
Fazem as experiências
Dizerem dos sentidos
Retos, sem aparências


Curvas, e toda ouvidos
Às novas coincidências
Dos velhos estalidos
E suas divergências.


São esses sons conhecidos
De figuras tangências,
Assuntos resolvidos
Pelas correspondências.


terça-feira, 21 de janeiro de 2020

Alongamento

Alongamento


Exercitar
E harmonizar
A alma ao dia a dia;
Essa energia


De, ao dia saudar,
E preparar
Algo que agracia,
Essa mania


De bem estar,
É reparar
Que é novo o dia
Que principia.

segunda-feira, 20 de janeiro de 2020

Leitura em Conjunto

Leitura em Conjunto


Leitura compartilhada
E análise em difusão
É a página sublinhada
Pela causa e a sensação


De uma leitura isolada
Do texto, essa divisão
Que é sentimentalizada
Com outros por intuição;


Numa cadeira estofada,
Sem nenhuma conclusão,
A leitura silenciada,
É por vezes salvação.





domingo, 19 de janeiro de 2020

Pizza

Pizza


Quem não se chama
Ao que precisa,
Depois reclama
Por atenção,


Mas não se engana
Se for concisa,
Ao qual se irmana
Por vocação.


Venha, semana,
Desorganiza
A porcelana
Enquanto há pizza. 

sábado, 18 de janeiro de 2020

À Deus Pai

À Deus Pai


Tanto que já vivi
Co'a mais casta pureza,
Que não sabia ou fingi
Sobre a delicadeza,

Mas foi como senti
Ser autora de proeza,
Sem saber que era a ti,
Oh, minha sisudeza

Amada, e a protegi
Com toda essa certeza
De não ficar sem ti.
 Quão bela é essa estranheza,

A de quando intervi,
Luz que brilha a essa mesa,
Quando sei que servi
Com imensa justeza

Sem pensar no que vi,
Espírito em largueza
Ao que desconheci
No mundo e essa vileza

Que não tive por ti;
 Foi em épica tristeza
Que pensei e comovi,
Com rápida presteza

Disse basta, reagi
Com amor à rudeza,
E hoje me reescrevi
Feliz pela grandeza

Onde me descobri
A teu lado braveza
Ingênua, e hoje entendi
Do Pai, o que é fortaleza.

sexta-feira, 17 de janeiro de 2020

Evolução

Evolução


Discernir e compreender
Esse hoje e o que é o sucesso,
Que é uma sorte do saber,
Onde evoluir é um apreço,


Quando vem a surpreender
O esforço em formato ingresso,
Bilheteria a convencer
Que o aprendizado está impresso


E, além do esperado a ter,
Supõe um novo recomeço
A se fazer ao tanger
E obter o que não tem preço.