Loading...
Loading...

domingo, 14 de agosto de 2011

Íntima Grafia

Íntima Grafiaclip_image002

Casaco velho e surrado que me aquece

No frio, conforto do dia que não se vai;

Não acaba rápido o amor que me enternece,

No encontro que hoje tivemos sossegai.

 

Sem dores dúbias, sem mágoas e sem prece

Ou culpa, nasce o respeito que me atrai;

Sublime afeto que a física nos tece,

Fricção e calor, aconchego que não sai.

 

Afeto quântico e cálido que acorre

Os anjos, servos do Pai maior que nos guia

E orienta nessa jornada que se escolhe.

 

A vida conta, e o casaco diz à sorte

Que o amor eterno não cansa, ele se encobre

E pulsa lépido na íntima grafia.

22 comentários:

Zélia Cunha disse...

Lindo texto, o amor não cansa, está em nós, na "intima grafia". Passei para dar uma espiadinha e gostei muito do seu blog.Vem me visitar e se gostar me segue que te seguirei também. http://zeliacunhapintando poesia.blogspot.com/ Tenha um bom início de semana.
Bjs.
Zelia

IDERVAL TENÓRIO/DRA VIRGINIA TENORIO disse...

Mestra, o que é o amor,o que faz o amor que enquanto mais tempo passa mais respeito conduz.O amor ao conjuge,aos pais,aos filhos,aos animais ,às coisas, o amor a um simbolo casaco,o amor ao velho,ao próximo,ao frio e ao calor, ao crônico , o amor ao amor,aos deuses ,o amor às palavras.
É a vida plantando ,regando e colhendo.
É a vida.

Iderval Reginaldo Tenório
http://www.iderval.blogspot.com
SOLICITO QUE NA MATERIA BULE BULE DO MEU BLOG FAÇA NOVO COMENTÁRIO, POIS NA REVISÃO DA MATERIA OS COMENTÁRIOS SUMIRAM.ABRAÇOS. IDERVAL.

Marly Bastos disse...

"Que o amor eterno não cansa, ele se encobre/E pulsa lépido na íntima grafia."
Essa é uma das maiores verdades Yayá.
Todo lindo seu poema declaração-reflexiva.
Beijokas doces e uma boa semana.

Luis Bento disse...

Íntima grafia, pública verdade. Excelente domínio da linguagem do amor num poema belo na sua simplicidade estrutural.

Universo Paralelo disse...

O amor nunca se cansa, esta sempre pronto para o que der e vier, amar é um dom de Deus, temos sempre que nos lembrarmos a vida é maravilhosa! lindo poema, beijos e boa segunda para ti!

Evanir disse...

Querida Amiga.
Lindo seu poema .
Leio tanto poema e texto mais da para ver que o seu faz a diferença.
Uma linda semana beijos,Evanir.

Vivian disse...

Bom dia,Yayá!!

Nossa...belíssima poesia!!!
Beijos!
Boa semana!

Ivone Poemas disse...

Bom dia, lindo dia e com esse poema maravilho, de amor, amor é "amor e fim" mesmo que dito, escrito de várias formas,palavras simples ou rebuscadas!
"Não cansa" de amar!!!
Ivone poemas
henristo.blogspot.com

Marisa Ferreira disse...

Que bonito. Eu adorava ter o dom de escrever poemas assim =) *

Fernando Santos (Chana) disse...

Belo texto...Espectacular....
cumprimentos

Loivarice disse...

Bom dia Yayá, que seu inicio de semana seja iluminado... bjs

Lena disse...

Yayá
Complexo mas muito belo. Bjkas,com muito carinho!

C. disse...

Bonito poema!

Zil Mar disse...

Vc escreve lindamente....

sua poesia me encanta...


obrigada pelo carinho...

desejo que tenha uma ótima semana...

bjo...

Zil

Jorge disse...

Seu talento é capaz do belo simples e complexo!

Humberto Dib disse...

Um poema muito bonito, uma íntima grafia que ecoou em todos nós...
Bjs.
HD

。♥ Smareis ♥。 disse...

Texto muito bonito e verdadeiro.Que o amor eterno não cansa, ele se encobre E pulsa lépido na íntima grafia.Desejo uma ótima semana cheia de muitas coisas realizadas pra ti.
Beijos !
Smareis

MEUS POEMAS disse...

Querida Yayá, como sempre escrevendo lindamente,parabéns!
Obrigada por sua visita e comentários sempre tão gentís!
Bjs pra vc
Gena Maria

Malu disse...

Nossas íntimas grafias deixando registrados os sentimentos mais mansos e por outras vezes mais intensos.
E na mesma íntima grafia vamos percorrendo um caminho de buscas, companhias e solidões.
Este teu poema em íntima grafia é belo, muito belo!!!
Abraços

El Escritor disse...

Siempre leyéndote, siempre maravillado..

CEM PALAVRAS disse...

Yayá,
você tem um dom de manejar as palavras na criação de seus escritos, sem nenhum excesso. Todos os seus textos, tanto prosa quanto poesia, têm a medida exata.
Parabéns.
muitos beijos

Severa Cabral(escritora) disse...

Oi minha linda e amada !
Vc como sempre postando textos construtivos que enriquece nosso currículo...
Bjsssssssssssssss