VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

domingo, 13 de abril de 2014

Poema Contente

Poema Contente

clip_image001

Nem tanto calmo é o calvinista;

Precisaria ser italiano.

Nem todo cantor é solista,

Acompanhado de soprano.

 

A gozação perde a vista,

Mas não é autoria desse piano;

Também não foi de feminista

E a brincadeira não foi engano.

 

Nesse propósito humorista,

Faz-se o convite e faz-se o plano;

Que adivinhe ao que se lista,

Que à simpatia deu-se o que emano.

Um comentário:

✿ chica disse...

Sempre bem inspirada! Legal te ler! bjs, chica