VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

terça-feira, 1 de julho de 2014

Poemix

Poemix

clip_image002

A pé, a sós, em ouvidos,

Sutis, sentindo os sentidos,

Do tempo, e, a geada que o diga.

Em verbos, que se prossiga...

 

A voz, gogós remexidos,

Em gol, torcendo bramidos?

Rissoles, casa de amiga;

Café com pão que me abriga.

 

O sol não prova sonidos,

Sugere em fás sustenidos

Que segue em tom a cantiga

De espaços mudos em liga.

2 comentários:

Manuel Luis disse...

Não é fácil comentar, basta gostar!Bj

Henrique ANTUNES FERREIRA disse...

Yayámiga

Para reforçar o Manuel Luís (que não conheço, nem nunca o vi na Travessa) digo apenas: gostei.

Se queres ir a Caxemira sem pagar bilhete nem passaporte, vai à Travessa...

Qjs