VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

sábado, 27 de abril de 2013

Função Família

Função Família

clip_image002

Chegavam à residência marido, mulher e filho por volta dos seus seis anos.

À entrada da casa o pai, à vontade, conversa com o garoto:

_Filho, amanhã é sábado e vamos ao parque pela manhã, depois iremos almoçar juntos com a mamãe, à tarde jogaremos bola. Voltamos para casa e saímos os três para comer pizza. Programa nosso com a participação da mamãe. Vamos ter um final de semana divertido.

O garoto olha para cima, olha primeiro para a mãe e depois para o pai e começa o sermão:

_Papai: estamos bem, mas você está sendo um tanto sem juízo ao fazer do final de semana uma festa. Deveria pensar em fazer as compras da semana, comeríamos salada, arroz, feijão e bife na hora do almoço. Esperaríamos a mamãe lavar a louça para depois programarmos o resto do dia.

A mãe olhou surpresa para o filho, mas o garoto continuou:

_Papai, às vezes você se comporta como um palhaço de circo. Você deveria ser sério e me educar para crescer e ser um homem de bem. Estou falando isso para o seu bem. Veja a mamãe que trabalha fora, cuida da casa e me ajuda nos deveres de casa e até me ensinou a tomar banho e me vestir sozinho. Ela é séria. Comporte-se melhor papai.

O pai do garoto ficou chateado. Ele queria proporcionar um belo final de semana naquele começo de inverno, mas depois da bronca, nem sabia se queria alguma coisa.

A mãe disse ao garoto que ele estava exagerando nas repreensões ao pai e afirmou que crianças brincam. Disse também que ele estava na pré-escola e podia se divertir antes de pensar seriamente na vida.

_Mamãe, eu digo o que eu digo para o bem do papai. Vocês parecem não me entenderem.

A grandiloquência do menino chamou a atenção do pai, que perguntou ao Dídio, apelido do garoto:

_ Meu filho, onde você passou à tarde de hoje? Na biblioteca?

O garoto, pequeno, ingênuo e sincero, disse ao pai:

_A professora não foi e o vovô veio me buscar.

O pai perguntou novamente:

_Vovô, papai da mamãe ou vovô papai do papai?

O garoto contou que estivera na casa do avô paterno.

A esposa, mãe do garoto disse:

_ Graças a Deus: Não foi o meu pai e nem ninguém da minha família.

O marido perguntou à mulher porque tanto agradecimento e ela disse que havia pegado o Dídio com a mãe dela.

O marido pediu para que a mulher ligasse para a mãe dela para saber do dia do filho.

A mãe dela disse que a mãe dele deixou o garoto com ela para ir à médica acompanhada do marido.

O pai perguntou ao garoto se o avô tinha pedido para que ele desse um pouco de juízo ao pai. O garoto disse que não, mas que o vovô tinha dito todas aquelas coisas porque estava preocupado com o futuro dele.

_Filho papai conversa com o vovô e você fica de fora da conversa. Amanhã iremos e faremos o que eu disse agora a pouco. Não se preocupe pelo seu avô. Eu digo para ele que está tudo bem.

Entraram em casa e a mulher começou com as brincadeiras de bola com o filho, ela seria a treinadora.

5 comentários:

António Manuel - Tómanel disse...

Gostei desta sua postagem...
Um ótimo texto.
Desejo-lhe uma feliz semana.
Um abraço cá deste "meu" Algarve - Portugal.
http://umraiodeluzefezseluz.blogspot.com

La Gata Coqueta disse...




A veces puedo estar distante
pero nunca ausente,
puedo no escribirte,
pero jamás olvidarte...
y cuando me necesites, puedo
no estar cerca, pero jamás abandonarte...
porque estas en mi corazón!!

Hoy me encuentro celebrando,
el 5º aniversario del nacimiento
del blog de La gata coqueta
y sin pararme a pensar
en mi torpe atrevimiento...
...al pasar sin avisar,
para entregarte la invitación a la celebración,
que de mano me harías sentir muy feliz brindando a mi lado.

¡¡Gracias por asistir a la que desde siempre ha sido tu casa!!

Un abrazo desde el ❤ y con el ❤
Feliz domingo!!

Atte.
María Del Carmen




Magia da Inês disse...

Isso faz falta, pai, mãe, filho, avós e avôs, juntos.
Que nos diga a Super Nane!
Bom domingo!
Boa semana!
Beijinhos.
Brasil
¸.•°✿✿⊱彡

Zilani Célia disse...

ALGO QUE ESTÁ FICANDO DIFÍCIL DE SE VER,INTERAÇÃO FAMILIAR.
BOA POSTAGEM.
ABRÇS
http://zilanicelia.blogspot.com.br/

Wanderley Elian Lima disse...

Família é um mal necessário, é lá que formamos o nosso caráter, por isso o exemplo dos pais, é fundamental para a educação dos filhos.
Bjux