Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

sábado, 2 de novembro de 2013

Carta Literária Escolar

Carta Literária Escolar

De: Dorli
Para: Diretora da Escola
Prezada Diretora Gertudres
Através desta carta, querida diretora, quero informar do photoshop do que fizeram comigo. Não reclamo de bullying, porque acredito que não foi essa a intenção das colegas.
Acontece que há alguns anos atrás, quando eu entrei na escola de secretariado, eu trouxe o meu álbum de fotografias para a escola e o esqueci na saída, numa das cadeiras da cantina.
Alguém que gosta de zoar com as colegas, pegou as fotos e as colou de forma que parecesse apenas uma foto e, eis o porquê que eu digo que não foi bullying, a foto não é com o meu rosto.
O rosto que aparece, no entanto, é de uma amiga que eu não vejo há alguns anos.
Quem fez a foto, certamente conheceu a história desta minha amiga, porque todos a contam como se a história da vida dela fosse a minha.
Na verdade, eu nem me importaria, se eu conseguisse conversar com a minha amiga sem chorar. Ela não sabe que a foto dela é motivo para tantas gozações.
Ela teve uma vida muito sofrida, uma vida que quem sabe, assim como eu sei, chora sem querer. Eu tenho outra foto,a qual mostra que o rosto dela é a do photoshop.
A foto dela, como foi elaborada através do photoshop, também está distorcida, mas o rosto é o dela e isso me incomoda.
A vida dela, hoje, é feliz e ela se realiza profissionalmente e emocionalmente, mas, quando se lembra da foto, as lágrimas correm.
Peço que a senhora não deixe que essa colagem permaneça. Em primeiro lugar porque não é correto usar a foto de uma pessoa para descrever a vida de outra que nem estuda nessa escola. Em segundo lugar, porque não nenhuma coincidência de experiência de vida entre a minha vida e a dela. E, em terceiro lugar, porque a gozação é cansativa para todos, principalmente para aqueles que não conhecem essa minha amiga.
Essa história se presta a pequenas mesquinharias que não me atingem, mas também não podem ou devem atingir a quem sofreu tanto.
A senhora é a diretora e eu espero que a senhora não deixe essa história continuar sendo contada desse jeito, como uma colagem mal feita.
Quem fez o photoshop tem talento, pois uniu três imagens numa.
Das três fotografias, uma é sofrida, a outra exagerada e a terceira inexistente.
Contando com a sua generosidade e com o apoio da orientadora educacional, que me pediu para escrever para a senhora, eu me despeço agradecendo a atenção dispensada a esta carta.
Dorli Laranjeiras.

5 comentários:

luís rodrigues coelho Coelho disse...

Bom dia
Li a história com muita atenção.
As colagens de fotos são hoje frequentes e muitas vezes trazem uma mensagem ou uma história.
Espero que o teu pedido seja atendido e que toda a história tenha um ponto final. É triste quando nos fazem destas coisas e isso nos afecta tanto.

edumanes disse...

Se eu pudesse te beijava!...
Num momento de coragem
Se eu pudesse te levava
às nuvens numa viagem

Te desejo um domingo
bem passado,
No teu peito uma flor
O teu corpo perfumado
De carinho e muito amor

Um beijo
Eduardo.

XicoAlmeida disse...

Olá Yayá,antes de mais um abraço.
Traz para nós um pouco de anos atrás, agora menos tabú pelas mentes mais abertas, mas perniciosas na sua continuidade.
Cerca de cinquenta anos atrás, miúdo, o "bullying" vinha na gordura da inveja, tal como o "photoshop" elaborado no costado do alvo.
Esse alvo senti em mim e sinto por incomodar.
No meu blog, "Nascendo até hoje...", tento paulatinamente, por enquanto de modo leve passar um pouco da mensagem.
Obrigado pelo que diz.

Jossara Bes disse...

Oi Yayá,
História de uma pessoas tomando a vida da outra, trocando "as caras e as culpas"! Me parece aquela brincadeira de telefone sem fio, passando de boca em boca vai mudando a frase ou a história!
Isso é ruim demais!
Tomara ser apenas imaginação de minha querida amiga! Mais um belo e criativo conto!
Tenha uma linda semana!
Beijos!

Artes e escritas disse...

O problema de toda carta escolar é esse, passa por várias pessoas antes de chegar à diretoria da escola. Vocês estão melhores que a encomenda escolar. :) Um abraço, Yayá.