VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

domingo, 30 de dezembro de 2012

Festa Sem Exageros

Festa Sem Exageros

A Neusa bebeu muito e foi à janela. Abriu as vidraças e gritou:

_ Não suporto mais essa gente que canta que toca, que ri e procura ser feliz. Sumam daqui todos aqueles que se consideram de bem com a vida. Quero a minha televisão no canal científico, não quero vocês.

Todos ficaram quietos e fecharam as cortinas que davam para o apartamento da tal senhora. Ela pediu, eles atenderam. Deixaram-na assistir os seus programas científicos.

Aguardavam em silêncio que a Neusa contasse os seus novos conhecimentos, tendo em vista que apenas ela queria estudar em época de festas. Não sabiam que era bebedeira.

Passaram-se alguns dias e a Neusa teve que se virar para mostrar que tinha exagerado. Do apartamento dela avistava-se, ao invés da luz televisiva, uma luz rosa choque com um pingente lilás, tango e bailado, ela e o marido dançando à média luz. As cortinas dela semicerradas, o clima de romance no ar.

Todos aqueles que a deixaram estudar e assistir programas científicos voltaram ao barulho da festa, das músicas e da alegria:

_Televisão para aprender a dançar com o marido? Que exagero. O clima naquele lugar é de boate, mas o marido e ela têm certa idade e estão felizes. Gente feliz não incomoda, melhor assim.

 

3 comentários:

Mona Lisa disse...

Belíssimo texto!

Mais que um exagero foi um sonho!

Sonhei ouvindo tão bela e eterna canção!

Beijos.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

Que neste ano de 2013 que agora se inicia possamos com uma palavra de apoio e fraternidade fazer que o mundo seja melhor e que a esperança de realizar todos os sonhos seja presente sempre nos nossos corações...que a paz o amor e a felicidade seja o alvorecer de um novo tempo de amor e fraternidade.
E obrigada por me abrirem o vosso coração para eu entrar e alimentar a minha alma de carinho neste caminho que é feito por nós...mas que depende de quem nos acompanha e nos ajuda a ultrapassar dias menos bons e que estão sempre presentes com uma palavra de conforto...que secam as nossas lágrimas e sorriem com as nossas alegrias.
Lindo como sempre o teu texto que adorei...um belo sonho.

FELIZ ANO NOVO
Um beijinho com carinho
Sonhadora

Giancarlo disse...

Ti auguro un 2013 che inizi bene, prosegua come desideri e che termini con grandi soddisfazioni.
Ti auguro di camminare su una strada chiamata vita, di inciampare in una pozza chiamata fortuna, di cadere in un abisso chiamato felicità.
Ti auguro un amore sincero accanto a te che sappia comprenderti e guardarti nel cuore con amore
per ciò che sei.