VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

VideoBar

Este conteúdo ainda não está disponível por conexões criptografadas.

domingo, 22 de janeiro de 2012

Devaneio

Devaneio

clip_image002

Passeia em calçadas aladas, silenciosas,

Com asas úmidas, formas da neblina

Presente. São anjos soprados das histórias

Não escritas ainda, que sonham com a rima.

 

Na sina, cantos e danças de graciosas

Firulas, conto do encontro d’uma esquina

Da vida, disperso nos versos e prosas,

Que o agora, solto, aproxima da cantiga.

 

Revela o vôo de algodão, com suas soldas,

A graça e o lume que acima descortina,

Regendo o susto em risadas saborosas;

Idéia seleta da pena que te estima.

19 comentários:

@ Escritora disse...

Que belo passeio pelos seus versos....

Saudaçoes

Ivone Poemas disse...

Lindos versos, adoro devanear em versos que nem sempre se sabe o que vai ser, pois quem ama a escrita não fica nunca sem escrever mesmo que nem saibamos o quê?!
Aqui tens sempre algo lindo a nos dizer e eu amo ler!
Abraços.
Ivone

Marcos Souza disse...

Olá amiga! Você sempre com post maravilhosas. Tenha uma maravilhosa semana. Abraços de seu admirador.

Fernando Santos (Chana) disse...

Belos versos...Espectacular....
Cumprimentos

Du disse...

Que bonito!

manuel marques disse...

Devanear assim é um prazer.

Beijo.

Célia disse...

Devaneios... meu final de semana... entre as "esquinas da vida / e risadas saborosas..."
Belo, Yayá! Flutua-se ao ler.
Abraço da Célia.

Alma Mateos Taborda disse...

Preciosos versos mi querida y generosa amiga, leerte llena el alma de sensaciones maravillosas. Gracias por visitarme. Un abrazo.

Paulo Sotter disse...

Uma linda poesia, com musicalidade, realmente se embarca em um devaneio na leitura. Boa semana Yayá . Um abraço

Del Rodrigues disse...

Olá Yayá,conheci seu blog por outra amiga,sou professora, e gostaria de fazer um pedido para que me ajude indo no link abaixo e deixando um recadinho.Estou concorrendo com o meu texto:"Transformando um Sonho em Realidade" no concurso Educação Nota 10 do Globo.
A seleção acontecerá agora no dia 30/01/2012.
Por favor, visite o link e deixe um comentário por lá.
Será que vc pode me dar uma força?
Conto com a sua ajuda!
Qualquer problema, postei também o link no post do meu blog, é só ir lá e clicar (http://ler-com-prazer.blogspot.com).
Obrigada!Paz e Luz!

Esse é o link:
http://www.educacao10.syncmobile.com.br/?p=576

Eloah disse...

Simplesmente maravilhoso! Saio daqui encantada pelo poema.Parabéns!! Amei.Bjs Eloah

OceanoAzul.Sonhos disse...

Duma suavidade que se sente... cândido e belo, assim defino o seu poema.

beijinho
cvb

Artes e escritas disse...

Célia, querida, se fossem essas ruas..., o poema seria picante:)) Obrigada a todos com o meu abraço, Yayá.

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Olá!
Amei devanear através dos seus versos,foi bom demais.
Obrigada viu?
Posso voltar por aqui?
m abraço e fique cm Deus.

Monja de Clausura Orden de Predicadores disse...

Mi querida Yayá, paso a saludarte, a dejerte mi ternura , ya que no puedo leerte por el momento, pero que sepas que Estoy a tu lado
Sor.Cecilia

Elizabeth disse...

Es una poesía mágica y encantadora! besos Poeta hermosa.

Yasmine Lemos disse...

Seu poema lembrou-me um pássaro ,uma paisagem bucólica e linda
beijo Yayá!

Maria Teresa Fheliz Benedito disse...

Olá!
Que delícia é passear por seus versos e bebê-lo no sossego que ele me dá.
Lindo, muito lindo!
Amei!
Beijocas no coração.

Memórias do meu £u disse...

Que lindo 'devaneio'! Gostei de todo o englobamento imaginário! Hora e outra também me vejo flutuando em versos! ^^

Aline Santos