Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

quarta-feira, 13 de julho de 2011

Se eu fosse simbólica, seria ininteligível

Se eu fosse simbólica, seria ininteligívelclip_image002... clip_image004

A fada apareceu e a menina não viu. A mãe dela disse:

_Filha, olhe a fada.

Mas a menina deu de ombros.

_Filha, olhe a fada, repetiu a mãe.

A menina disse que a fada a olhava com raiva.

_Pois então vá lá e tire a raiva que a fada tem de você. Seja educada!

A menina foi e a fada disse que não conversaria com a menina:

_Eu sabia, você não gosta de mim.

A fada chamou o duende e mandou-o dizer o que acontecia,

_Você não é do nosso reino e a fada não pode falar com você senão ela vira humana.

A menina respondeu:

_E você pode, duende? Quem te permitiu?

_Um duende não é obediente, ele faz o que ele quer.

E a fada não falou com a menina, mas ela saiu falando umas palavras mineiras “trem bom” e com vontade de “comer torresmo frito”.

A mãe deu risada da arte da fada e disse que tinha sido proveitosa a prosa.

_A fada não me quer lá! Disse a menina arrepiada.

_Não vá, ué.

A mãe acabara de ensinar a menina a acreditar em fadas.

22 comentários:

Manuela Freitas disse...

Muito interessante! Sabes acreditar em fadas até não é mau!..Mesmo com o meu cepticismo há dias em que acredito!...
Beijos,
Manú

mery disse...

Como é bom acreditar em fadas, o mundo fica mais bonito, quando eu era pequena gostava e acreditava nas historinhas que minha mãe contava, sonhava ...
Acreditava no Papai Noel, ai.. como é bom ser criança, nunca deveríamos crescer, saudades da minha infância querida!
Beijos, querida, de Mery.

Marly Bastos in "palavreados ao vento" disse...

Eu não acredito em fadas, nem em duendes, nem em papai noel, nem em políticos... rsrsrs. A vida faz a gente fica descrente das coisas.
Mas, acreditar em fantasias e em seres maravilhosos faz parte do nosso crescer.
Beijokas querida!

Michelle disse...

Rite Aid went out the window with Rick Perry.

Célia disse...

... bem em certas situações... uma "fadinha" ou uma "bruxinha"... vai muito bem, obrigada! A "fantasia" desobriga-nos de verdades que não queremos enxergar! Tem seu valor, sim!! Abraço da Célia.

Lindalva disse...

Olá boa noite. O teu voto foi computado com sucesso no pena de ouro. Beijos.

Severa Cabral(escritora) disse...

Temos que acreditar sempre no mundo que faz de conta...para sermos mais produtivos...
Bjs minha linda!

Lena disse...

Yayá, minha linda
Tem selinho pra vc lá no Amadeirado. Boa noite e bjkas com muito carinho!

Aclim disse...

As vezes temos que ser simbólicas, seremos initeligíveis para os estranhos. Cada qual sabe onde aperta o seu sapato.
É bom sonhar, crer no invisível só não podemos tirar de nossos filhos o lívre arbítrio.

Valeu amada

Bjs

Renato Baptista disse...

Olá...

Parabéns pelo blog e pelos poemas. Agradeço sua visita lá na Academia da Poesia e pelas palavras deixadas.
Deixo um convite para você em meu nome e no de Beatriz Prestes, que administra a Casa da Poesia junto comigo.
Faça-nos uma visita e se for do seu interesse, cadastre-se no nosso site. Será uma honra receber você e o seu belo trabalho por lá.
www.casadapoesia.ning.com

Abraços*
Renato Baptista

MARILENE disse...

As crianças crescem acreditando em coisas boas, como fadas. Não vejo mal nisso. Nós também alimentamos fantasias, mesmo sabendo que muitas delas são inconcebíveis.

Bjs.

El Escritor disse...

lo que entendí me pareció interesante! voy a mejorar mi portugues contigo!

Besos!

MEUS POEMAS disse...

Oi Yayá, passei para agradecer sua constante visita e sua amizade tão presente, obrigada do fundo do meu coração!
Eu tb gosto mt do seu cantinho, adoro ler e leio quase tudo que abro, parabéns amiga!
Bjs pra vc....
Gena

Vera Lúcia disse...

Olá Yayá,
Adorei esta fada. Sabe por quê?
Ela é mineira, como eu (rsrsrs).
Na infância, era tudo de bom acreditar em fadas.
Hoje acredito que fantasiar um pouco não faz mal,né?
Beijão.

Luís Coelho disse...

Todos devemos ter sonhos e quando os perdemos algo já está muito mal.

A história das fadas sempre encanta grandes e pequenos.

Lourdes disse...

Yayá
Já lá vão os tempos em que acreditava em fadas, mas todos nós já passámos por momentos em que acreditávamos e elas faziam parte dos nossos sonhos.
Crescemos e a realidade é outra...
A partir de hoje vou deixar de comentar porque vou de férias e vou estar sem net. Os posts que aparecerem n' "O Açor" estão já programados e agendados para serem publicados. Por isso , não estranhe a minha falta de presença no "Artes e Escritas".
Beijinhos
Lourdes

Marina-Emer disse...

mi querida amiga..gracias por dejarme en tu visita unas palabras de felicitación para mi querida amiga Maria del Carmen...ella es una bellisima persona y se hace querer por todo el que la trata...gracias yo por tu amistad me gusta mucho y te deseo feliz dia dejandote cariño y un abrazo
Marina

Nita disse...

É não perder a capacheiro de sonhar!
Beijinho e tenha um bom dia!

Vivian disse...

Bom dia,Yayá!!

Lindo texto!Acreditar é preciso...
Beijos!

NINA* disse...

Eu preciso ensinar a minha filha a acreditar em fadas.Eu acredito em tudo que faz parte de um mundo de sonhos, e ela não me puxou em nada, nesses aspectos. rs


bjinhos

Nina

Joelson disse...

Sei que não existem fadas ou duendes, mas o mundo real em que vivemos é que deveria ser inimaginável, sendo assim ele não existiria e a nossa realidade seria algo melhor, não tanto como o mundo das fantasias,
mas com certeza, melhor
ele seria
Abs.
Joelson
www.inspiradas.com

Majoli disse...

Ah que lindo, amo contos que falam de fadas.
Esse seu, interessante por demais da conta.
Adorei o mineirês...rsrs

Muito bom seu blog.
Beijos.