Loading...
Loading...

terça-feira, 18 de outubro de 2011

Horário de Verão

Horário de Verão

clip_image002

Horário de verão,

Devolva-me à rotina

Dos versos, cerração

Dos olhos de menina.

 

E, nessa adaptação,

Que eu durma tranqüila

Num sono de canção,

E sonhe na cantiga


À noite, imensidão

Que adianta e descortina

A lua e o sol, junção

Dos astros nessa esquina.


Bocejo a vocação

Que o tempo determina,

Relógio da intenção

Do gasto de energia.

24 comentários:

Armando Pinto disse...

Deduzo que aí no Brasil está a entrar o horário de Verão. Aqui em Portugal vai começar o horário do Outono, no último fim de semana deste mês. Mas apesar das diferenças, como na distância há tantos pontos em comum, até pela comunicação existente!

Ingrid disse...

que delicia!!!..
eu gosto do horário de verão..
beijos..

Célia disse...

... Realmente para muitos, o Horário de Verão... traz um grande bocejo em sua adaptação! E, finda-se a "nossa energia"...
Abraço, Célia.

Paulo Francisco disse...

Sofro com este horário de verão.
Um beijo grande

Paulo Francisco disse...

Sofro com este horário de verão.
Um beijo grande

Borboleteando disse...

Só mesmo com o horário de verão para os brasileiros economizarem energia...

Abraço

Sonhadora disse...

Minha querida

Um poema cheio de encanto,com o compasso do tempo.
Cá em Portugal ainda não mudou a hora, mas eu não gosto destas mudanças.

Deixo um beijinho com carinho
Sonhadora

Majoli disse...

Olá Yayá, demoro muito a me acostumar com o horário de verão, mas como não tem outro jeito, vou atropelando um pouco os dias.
Acho bem desgastante.

Beijos.

lis disse...

Gosto das tardes mais longas , no verão aproveita-se mais .
Tomara nao venham as tempestades da época.
O poeminha simpatico que sabes tão bem encantar.
Bons dias Yayá

CLEUSA KLEIN disse...

Gostei dos versos , mas sou muito fá do horário de verão rsss...

Abraços

PauloSilva disse...

O horário do Verão é aquele que parece nos deixar com mais tempo e mais planos rondando a mente. Adormeça assim que tiver cansada da luz do dia, não tem porque não gostar. Um abraço e agradecido pela visita. *

Severa Cabral(escritora) disse...

Minha linda !
Na minha Paraiba está fora desse horário...não conhecemos esse gostinho,kkkkkkkk
Bjssssssssss

aluap disse...

Eu gosto do horário de Verão. No último Domingo do mês entramos no horário de Inverno, os dias ficam mais pequenos, se chove às 17H00 é noite, por isso, prefiro os dias de Verão.

Um abraço

Fatima disse...

Nem ligo mais.
Bjs.

*Patricia* disse...

Eu detesto o horário de verão,

mas amei sua poesia, até que fiquei mais feliz depois disto.

manuel marques disse...

Um verão feliz e uma vida plena de felicidade.

Beijo.

Sonia Guzzi disse...

Oi.
Ainda estou me adaptando ao novo horario...Vale muito bem um poema.
Querida, sou um tanto lerda com o mundo digital, mas, postei seu selinho, com muita alegria.
Obrigada pelo carinho.
Em divina amizade.
Sonia Guzzi

Ana Rita Profirio disse...

Olá! Adorei conhecer seu blog!Se quiser me visitar ficarei feliz com sua presença no meu cantinho! beijinhos!!

Vantuilo Gonçalves disse...

Belo e muito craitivo o seu texto, parabéns sempre.

Lúcia Bezerra de Paiva disse...

Quem mora no Nordeste, como eu,quase nada muda...Sentia muito, o "Horario de Verão" quando eu morava no RJ.
Ao mesmo tempo, gostava,no final da tarde, ainda com Sol, encontrar o maridão, depois do trabalho, para um "chopinho" na Av. Atlântica. Compensava o acordar ainda escuro...
para ir trabalhar...

Beijos, Yayá

Lídia Borges disse...

Ritmado como o tic-tac do relógio e o bater do coração.

Lindo!

Beijo meu

Mª Carmen disse...

Es cierto que el cambio de horario nos afecta, me gusta tu poema.Besitos.

Alma Mateos Taborda disse...

Hermoso poema. ¡Felicitaciones! Un ABRAZO.

Luks Vieira disse...

Ninguém merece..rs.
Att.,
Luks