Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

quarta-feira, 19 de outubro de 2011

Cavalo à Contragosto

Cavalo à Contragostoimage

Arlindo se considerava o tal, milionário desde criança, teve tudo o que queria. E, tendo tudo, tudo era pouco, faltava algo que o incomodava.

Para preencher essa necessidade, pois para ele o espírito não tinha necessidades, sempre tivera saúde, então se transformou num gozador. Do gozador ao debochado, não demorou muito, ele podia. Tinha muita gente aborrecida com ele, mas não queriam problemas e se calavam diante do poderio econômico do jovem.

Certa vez, o Manoel, da mercearia lhe disse:

_Meu rapaz, você teve tanta sorte na vida. Agradeça a vida que tem, pare com estas zombarias que machucam, magoam e criam problemas para você. Já vivi muito, enfrentei o frio, o infortúnio das perdas, até mesmo comer o pão que dá para comprar. Até hoje, e digo isso com certa amizade e boa vontade pela sua juventude, não vi estas brincadeiras de mau gosto, acabarem bem. Eu vi muito e peço que me ouça, não insista nestas tolices.

Arlindo respondeu ao Manoel:

_Ô homem, vê-se que é tolo e não sabe que ganha o mundo quem é arrojado, articulado e bem posto na vida como eu. Você tem muito que pastar para aprender a não ser quadrúpede e gostar da boa vida antes de segui-la.

Passam-se os anos. Arlindo se mostrando da maneira que queria e, sempre que encontrava o seu Manoel, homem feito de meia-idade, dizia:

_Olá, Manoel. Levando a vida medíocre de sempre? Se você gosta, é um prato cheio!

Ele ria às gargalhadas, achando-se muito engraçado.

Passa um tempo mais e o seu Manoel adoentou-se e faleceu.

Arlindo, sabendo da morte do seu Manoel, apronta uma piada com o homem. Usando de artifícios diversos, consegue se candidatar a prefeito usando o nome do seu Manoel.

Os conhecidos advertiram:

_O que é que você está fazendo? O seu Manoel está morto, o respeite.

Arlindo parecia rasgar nada ao que lhe diziam como se fossem cartas de baralhos velhos e marcados.

Quando os dados do candidato chegam para serem homologados, verifica-se que o seu Manoel não vota mais e que o concorrente é o Arlindo.

Arlindo não se dá por achado e diz que tudo não passou de um engano ocorrido na pequena cidade onde havia cadastrado o seu título de eleitor.

No entanto todos sabiam o que o Arlindo fazia e a candidatura não seria aceita sem as devidas restaurações. Arlindo começou a compreender o que Manoel dizia. Não bastava pedir desculpas, ele tinha que provar que não fez por mal.

A partir deste dia, Arlindo teria que conviver com Manoel até desfazer o engano. Naquele momento Arlindo se transformou no cavalo no qual o seu Manoel teria que cavalgar de onde estivesse, e a partir de então, reconhecer que a vida é mais do que se espera.

12 comentários:

Célia disse...

As voltas que a vida dá e acabamos aportando em situações nem sempre confortáveis quando deixamos de ouvir as experiências dos viventes. Ah! Se o TER valesse alguma coisa... espantosas fortunas não se acabariam em uma cama de câncer, por exemplo!
Abraço, Célia.

Luís Coelho disse...

As nossas ilusões e mentiras em que nos cegam diariamente.

Uma história para pensar e vever nos nossos comportamentos.

Também existem pessoas que não são ricas e que enfermam destas veleidades - armados em importantes e convencidos que não precisam dos outros e pior ainda quando procuram pisá-los com arrogância.

✿ chica disse...

Lindo e reflexivo.Histórias da vida...beijos,chica

OceanoAzul.Sonhos disse...

Tão bom se as pessoas aprendessem o essencial... perfeito seu texto, como sempre.

abraço
oa.s

Fatima disse...

Pois é minha amiga, pois é!
Bjs.

Ivone Poemas disse...

Bom dia! Bom post, boa lição de vida, pois é bem assim, quem vive se gabando e sendo o que não é, pois mesmo com fortuna, muitas pessoas não conseguem serem elas mesmas, portanto tanto os que contam vantagens quanto os que esbanjam vantagens se não forem elas mesmas caem, pois viver é isso, encarar o "nosso eu"!
Abraços
Ivone

Luna Sanchez disse...

Prova cabal de que o mundo é redondo.

Um beijo.

Aclim disse...

Malandro demais se atrapalha..rs

Burrinho este Arlindo, ao menos viveu mais que Manoel e tempo suficiente para aprender. Nunca é tarde...rsrsr

Abraço

Vinicius.C disse...

É quem dera ser como e quanto gostariamos.

Um beijo enorme e uma ótima tarde!

Espero por vc no Alma saudade!!

Yasmine Lemos disse...

A vida e suas ironias.Adorei o texto.
obrigada pelo carinho Yayá.
beijão

Evanir disse...

Hoje minha visita é para anunciar
uma novo circulo de minha vida.
Continuarei com as homenagens
que é a razão do blog (A VIAGEM)
A imagem escolhida por mim no novo visual
tem tudo a ver com o futuro, não só do blog,
mas da surpresa que a qualquer
momento será anuciada no blog.
Hoje sou parte da vida de cada
pessoa amiga e tão amada por mim,
também sou membro do Clube dos Novos Autores.
Com muita alegria convido você a paricitipar com
todos nós do clube também.
Minha Viagem prossegue amando e acarinhando todas
minhas lindas amizades.

Deixando um pedido muito importante para mim.
Eu não estou deixando vocês ,
E sim, entrarei na casa de cada um de vocês.
Conto com o carinho de sempre em meu blog,

Esteja comigo como sempre estiveram
Deus estara com você e comigo.
Segure nas mãos de Deus e na minha e vamos nessa
Deus já abençoou.
Com carinho.
Evanir
20 de Outubro

ARTESÃ DAS LETRAS disse...

Oi ! Os maiores tesouros que acumulamos são nossos atos e amizades cultivadas que ficam para sempre,se eternizam!
Um história para reflexões...
bjs Taís Mariano Bruma Lilás