Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

domingo, 17 de dezembro de 2017

A Alegria do Natal / Reflexão


A Alegria do Natal / Reflexão

     A alegria do Natal é saber que Deus existe e que Ele enviou o Salvador para nos livrar do mal.
     Algumas pessoas ficam tristes nessa época do ano e, retirando-se os motivos óbvios que são as dificuldades físicas e espirituais, teimam em sentir saudade.
     É uma época de louvores, preces e confraternização quando possível e com quem é possível.
     Não se adivinha o motivo dessa ou daquela pessoa para ir ou não ir às festas próprias dessa época. Respeita-se.
     Ora-se muito. Para quem esteja em dificuldades; para que as supere, para quem esteja saudosista; que leve uma palavra de conforto a quem precise e assim por diante.
     Ora-se também, para aqueles, os quais não têm problemas, dificuldades. Eles que aproveitem a Noite de Natal e que sejam abençoados pela felicidade.
     Ora-se para que cada pessoa seja uma palavra abençoadora na vida do próximo.
      O que eu quero dizer é que usemos repelentes do mal como se o mal fosse um mosquito. Eu comprei um repelente de mosquitos e passei nos braços e me senti muito bem.
     Usa-se a Bíblia como repelente do mal. O crente a carrega debaixo do braço e, os crentes de bom humor dizem que ela é o desodorante do crente. Eu acho que pode ser usada como repelente também.
     Nada substitui o nascimento de uma criança, pois a criança é a esperança de um futuro melhor.
     Comemora-se o aniversário do menino-Deus, que traz a esperança à toda a humanidade, que é a verdade e o símbolo da vida eterna.
     É uma festa universal e plena de espiritualidade com o intuito humano de levar as boas novas ao próximo, ou seja, levar a esperança e a verdade como fonte de vida.
     A tarefa de deixar o ser humano em comunhão é tarefa de todos, mas em nome de um: Jesus Cristo.
      

2 comentários:

Maria das Graças Lacerda disse...

Que bela reflexão, Yayá!
Linda e simples, como deve ser...
Você resumiu tudo em poucas palavras. Disse tudo, com encanto e leveza!
Parabéns, amada e um Feliz Natal pra você!
2018 de total paz!
<3

Célia Rangel disse...

Em pé, aplaudo-a por tão nobre texto de realidade suprema ao Verdadeiro Natal em nós!
Obrigada, Yayá!
Abraços natalinos.