Rio de Janeiro

Rio de Janeiro

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

sábado, 20 de outubro de 2018

Ponto

Ponto


O canto
Que apronto
Volteia.


Remonto
De pronto,
Ponteia;


Pesponto


De areia. 


sexta-feira, 19 de outubro de 2018

Mangaba

Mangaba


A graça se transforma
Porque em si não se acaba,
Procura uma outra forma
Porque é sugestão alada.

A seriedade é norma,
Do sizudo chapéu é a aba
Que se une à plataforma
E diz da sua taba,


Da palavra que informa
Sua tribo, e do emboaba,
Saber que se conforma
Ao ar da graça; mangaba.

quinta-feira, 18 de outubro de 2018

Você é Importante, Professor/Professora


Você é Importante, Professor/Professora


     Sucedeu hoje de sair e encontrar com um grupo de garotas e a professora.
     Perguntei se o local estava aberto.
     A moças mostraram através de sinais que eram mudas.
     Eu não conheço a linguagem de libras e fiquei sem graça. Uma das jovens olhou positivamente nos meus olhos e fez gestos com as mãos dizendo que não me preocupasse e que estava tudo bem.
     Tudo bem comigo também. Sorri e acenei com amão para elas dizendo tchau.
     Elas fizeram uma diferença imensa ao meu dia. 
     Depois delas, conversei o que precisava ser conversado.
     Se não fossem elas, ficaria à música como é o meu costume.
     No entanto elas precisam que alguém diga por elas o que é essencial, não somente para elas, mas para todos os que prestarem atenção.
     Percebi que um grande erro no dia de hoje seria não conversar, não me expor a ouvir respostas.
     Há assuntos que dizem respeito à muita gente. 
     Esse assunto é o cotidiano comum a toda e qualquer pessoa que quer uma vida normal.
     Estamos em época política e o meu assunto não era política, era humanismo.
     Porque se eu calo quando devo falar, prejudico a quem não pode.
     Jovens bonitas e cheias de sorrisos para a vida, para o aperfeiçoamento dos gestos e da sua comunicação com o mundo exterior.
     Todas as pessoas são importantes nesse contexto.
     Também disse e continuo a dizer que o contexto em que vivo é diferente, mas disse porque é verdade.
     Quem espera encontrar um grupo de surdas-mudas em meio aos mais diversos instrumentos musicais. Elas olham com curiosidade e ignoram o que seja a música.
     Mesmo com a sonoridade do ambiente, elas conversavam na linguagem de libras como se nada acontecesse à volta delas.
     Parabéns à professora delas que manteve o sorriso e uma postura coerente para com as suas alunas. Ela também ignorou a sonoridade do ambiente. Contava a elas sobre a música, para que elas soubessem da existência.
     É difícil conter a emoção.
     

quarta-feira, 17 de outubro de 2018

Fresta da Tarde

Fresta da tarde


A fresca é a fresta da tarde,
Amornada ao sol que não arde.
Um bem estar se apropria
De todas as coisas; dia

De conjunção sem aparte,
Sem agitado descarte
Da hipótese que anuncia
A possível harmonia,

Dada a energia que reparte
Nesse compasso em que se arse
A regência e a fantasia
Do que é perfeito, e a irradia.

terça-feira, 16 de outubro de 2018

Um assobio ao lado

Um assobio ao lado


E corre o dia,
Diz o ditado
Que se assobia
À todo lado;

Simbologia
De um traço dado
Que escreveria
Sobre o apagado

Que a si premia
Acomodado
Depois do dia
Acumulado.


segunda-feira, 15 de outubro de 2018

Intercâmbio

Intercâmbio


Se é necessária,
É originária
Da boa farofa
Essa galhofa,

Que é corolária
Da literária
Escrita em prosa;
Fome formosa,

Destinatária
De indumentária
Leve e graciosa,
Mas também troca.


domingo, 14 de outubro de 2018

Convergência

Convergência


Não é mais inverno, mas chove,
E dentro à alma algo se move
 E propositivamente,
Entre o que é esparso e o frequente;

Essa chuva não comove,
Embora de si, renove
Uma certeza latente,
A de que é benevolente,

Quando é afável e promove
Um pensamento que aprove
A emoção correspondente
Convergindo ao concernente.