Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

terça-feira, 11 de julho de 2017

Róseo Catavento


Róseo Catavento

As flores de outono
Douradas ao tempo
Traduzem o sono
Trazidas ao vento.

Num dia luminoso
De azul passatempo
Refez-se o formoso
Em recolhimento.

Ao róseo, o risonho
Que é o aperfeiçoamento
Que não diz  do sonho;
Diz de um catavento.

Um comentário:

Célia Rangel disse...

Um poema que emoldurou minha tarde! Lindo!
Abraço.