Loading...
Loading...

sexta-feira, 13 de maio de 2016

Customização

Customização



Pensamentos desajeitados
Desencolhem e não são roupas
De algodão e brim, centrifugados,
Abrigados com muitas toucas.

Estranhados e destravados,
Agasalham em toucas poucas,
Sem dizer de onde vêm atados
Nessas novas prosódias soltas,

O que nos faz acostumados
Às mil notas em pauta envoltas,
Em fá e sol. Se, customizados,
Ao chegarem, vibram as louças.

Um comentário:

Célia Rangel disse...

Tempo de customizar objetos e pensamentos...
Abraço.