Loading...
Loading...

quarta-feira, 13 de abril de 2016

À Floreira

À Floreira


A floreira não sonha, realiza.
Somos nós que a vemos em magia;
Uma folha em flor quando entroniza
O possível feito a cada dia,


O buscar sereno que se visa,
Alcançando além de toda via,
Refletindo o ser que contextualiza,
Caminhando ao certo, em sinergia.


É o lampejo d’alma ao chão que pisa
O passeio, nessa vidraçaria,
Esvoaçante na cortina lisa,
Que transforma o tom d’uma esquadria.

Nenhum comentário: