Loading...
Loading...

terça-feira, 29 de março de 2016

Poema Propaganda de Refrigerador

Poema Propaganda de Refrigerador



O descanso do dia
Eram os pés na areia
Sem sol, à cortesia.

Algum vento e água fria,
Na varanda e, à cadeira;
Relembro essa alegria.

Não mais é a tal folia,

Descobri a geladeira.

2 comentários:

✿ chica disse...

Uma bela descoberta, mas que nos tirou emoções co0mo as que descreveste....Legal te ler! bjs, chica

José María Souza Costa disse...


Tenho uma janela por onde vara cores de momentos
E uma eterna mania de sonhar.