Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

sexta-feira, 7 de março de 2014

Boa Discussão

Boa Discussão

clip_image002

Provavelmente era amiga e bem intencionada, mas a maneira como agiu, fez com que a amizade sofresse um desconto na consideração.

Chamou Daniele de Daiane e assim começou o assunto e aonde queria chegar.

_Seu nome não é Daiane, então riscarei o nome que está escrito.

Daniele observou a vendedora de roupas com vagar.

A vendedora prosseguiu na conversa derivada e distante das peças da loja.

_Daniele, você sabe que dia é hoje, estou em dúvida.

A moça respondeu que sabia e, se não soubesse, bastava consultar o calendário pendurado atrás do balcão.

A vendedora pediu permissão para fazer uma única pergunta e Daniele assentiu.

_Por que é que você compra nessa loja barata quando existem outras com o mesmo preço, que possuem um ambiente melhor.

A vendedora estava ousada ao conversar com Daniele e ela respondeu num tom firme.

_Prezada vendedora, eu compro nessa loja porque os artigos são confiáveis. O que eu compro aqui, eu não me arrependo.

A vendedora não deixou por menos:

_Pois eu nunca ouvi falar dessa loja na minha vida. Estou trabalhando aqui sem saber onde vou chegar.

Daniele se controlou para não se exaltar, mas continuou a conversa:

_Provavelmente a senhora é bem mais jovem que eu, porque é uma loja na qual eu comprei uniformes escolares quando era criança. Eram uniformes que aguentavam o ano inteiro e os meus pais não precisavam gastar duas vezes o dinheiro suado que eles possuíam. A fachada é antiga, mas eu conheço a dona, uma senhora conservadora e de boa índole.

A vendedora disse à Daniele que o problema era dela. Ela tinha avisado que existiam lojas mais sofisticadas nas quais ela pagaria o mesmo preço.

A vendedora saiu para o almoço e a dona da loja chegou.

Pessoas conhecidas se tratam bem. Daniele escolheu algumas peças de roupa, pagou e, ouviu a dona da loja, sem que antes fizesse comentário algum sobre a vendedora.

_Daniele, hoje em dia o material humano está desse jeito. Eu me incomodo você se incomoda. Não sei o que significa esse comportamento. Não sei se é aqui, se é a nossa cidade, ou se é padrão em todo lugar. Eu não sei me expressar como gostaria, mas te peço para tentar me entender através de um exemplo do tipo não vá ao médico sem ter sintomas. Não sei se é bem por aí e nem se o exemplo não está incorreto, mas estou sofrendo com o pessoal.

Daniele disse que entendeu o que ela quis dizer e que esse era um dos motivos por ter ido até a loja dela.

Daniele comprou um anel de bijuteria, na medida dos dedos dela. Beijou o anel e agradeceu a compra. Os seus valores de infância estavam preservados.

Um comentário:

La Gata Coqueta disse...



Si alguna vez tus sueños se derrumban,
busca un poco de luz en tu ventana…
Prométete a ti mism@ un arco iris,
y vuelve a comenzar, cada mañana...

El día de mañana (que debían de ser todos)
está dedicado a todas las mujeres,
que con su manto de amor, trabajo y comprensión
cubren el globo terráqueo de fértiles espigas,
salpicadas por el rocío de la noche
y besadas por el aterciopelado sol del ocaso…

¡¡Con delicada ternura
feliz día para todas las mujeres!!

Atte.
María del Carmen