Loading...
Loading...

terça-feira, 24 de setembro de 2013

Caixa Postal

clip_image001Caixa Postal

Talvez o tempo te diga

Que fica e que é todo teu,

Sorria ao te ver e consiga

Mostrar o amor que valeu.

 

E então virá o que te abriga,

Resposta à carta a Morfeu,

Dos sonhos feitos de liga

Etérea, além do meu e teu.

 

Que venha assim e coincida,

Unindo agora o apogeu

De anteontem nessa cantiga;

Fazendo o céu ao que se deu.

 

E, sendo assim, se faz dia,

Confiando a quem protegeu

Durante a noite e, bendiga,

A sorte à qual se viveu.

4 comentários:

✿ chica disse...

Linda e bem ritmada poesia! beijos,tudo de bom,chica

Élys disse...

Uma poesia criativa e muito bonita.
Beijos.

Sonhadora (RosaMaria) disse...

Minha querida

como sempre um poema muito belo e inspirado na sua profundidade.

Um beijinho com carinho
Sonhadora

Evanir disse...

Nossa vida é feita de surpresas onde nossa missão é viver.
Alguns momentos podem durar tão pouco e
ficar na sua memória por muito tempo,
algumas pessoas podem fazer muito pouca
parte da sua vida e ser considerada pra sempre.
Eu imagino um dia em que todas as pessoas
tivessem o direito de ser feliz,
mesmo que seja só por um momento,
para ter a oportunidade de sentir o que realmente
desejam e acreditar que sonhos não são bobagens.
As vezes percebemos que as aparências enganam
e que podemos sofrer muito com isso.
O tempo é uma coisa que não
permite voltar para trás,
então vamos aproveitar para exercitar
nossa fé a cada segundo da nossa vida.
Levar sempre amor a unica palavra,
que poderia mover o mundo.
Ame o bastante para ficar gravado
na memória eternamente de cada amiga e
amigo.
Um carinhoso beijo afagos na sua alma .
Evanir.