Loading...
Loading...

sexta-feira, 14 de dezembro de 2012

Para Os Pessimistas / Crônica de Natal

Para Os Pessimistas
O Papai Noel chegou à Praça Santos Andrade, Curitiba, em cima de um carro do Corpo de Bombeiros da cidade. A praça é repleta de pontos de ônibus e havia uma multidão de crianças e famílias à sua espera.
Eu e o meu café ouvíamos os comentários a seguir sem querer, mas aproveitando a festa como incógnitos.
_Acho que ele foi acusado de estelionato, está acompanhado por dois policiais para não aplicar golpes na praça.
O outro retrucou:
_Que nada, não vê que ele é o delegado da festa e está escoltado, eis um homem Legal.
Um passante reclama:
_Até o Papai Noel aparece para atrapalhar o trânsito e fazer com que eu chegue atrasado à minha casa.
O caminhão contorna a praça em direção à casa do Papai Noel e às crianças. Quando o carro do Corpo de Bombeiros para e o Papai Noel ameaça descer, a banda avisa a multidão que não haverá presentes para ninguém:

Ele aceitaria apenas pedidos de presentes e boletins de bom comportamento. Um recenseamento infantil feito pelas mamães e papais. As crianças, coitadas, sorriam felizes, sem ter a ideia do que diriam sobre elas.
As crianças ainda sorriem e as mães ainda elogiam os filhos, os pais ajudam nos presentes, o algodão doce é perfumado e traz vontade de ser feliz.
Agora reflito se a cafeteria era o melhor lugar para estar naquela hora, talvez fosse melhor saborear um algodão doce e disfarçadamente deixar essa felicidade tomar conta de mim.

3 comentários:

Célia Rangel disse...

... é Yayá... tempos bicudos... até o "bom velhinho" - em sua melhor idade - já não aguenta mais... Bem, quanto ao seu algodão doce, se sua avaliação estiver em ótimo patamar, tudo bem - você tem direito! [rsrs]
Bj e Boas Festas! Célia.

Paulo_Sotter disse...

Acho que o algodão doce é mesmo mais apropriado. O mundo infantil tem todo o sentido do natal, e nós na agitação do mundo vamos deixando de lado aquilo que realmente tem valor. Abraços Yayá

Maria Rodrigues disse...

Minha amiga como a minha próxima semana vai ser muito dificil em termos profissionais, e como não sei se terei tempo de passar pelas casas virtuais dos amigos, passo hoje especialmente para desejar um Natal muito Feliz. Que a Luz e o Espírito de Amizade, Fraternidade e Amor do Natal, consigam prevalecer no coração dos homens, ao longo de todos os dias do ano, para seja sempre Natal.
Beijinhos
Maria