Loading...
Loading...

domingo, 29 de julho de 2012

Indriso Olímpico

Indriso Olímpico

clip_image002

Pés lépidos correm milhas,

Brilha o ouro que ganha o pódio,

Canta o hino de gregas ilhas;

 

Gira o arco das redondilhas,

Verso e homem num monocórdio

Nessa era de poucas sílabas;

 

Veste a hera de tantas filhas;

 

Sob a haste, nações sem ódio.

6 comentários:

Ivone Poemas disse...

Lindo isso,"... Sob a haste, nações sem ódio."
Yayá, tens um lindo dom, sabes usar bem as palavras, amei esse poema!
Abraços
Ivone

Giancarlo disse...

Bella poesia! felice inizio settimana a te....ciao

✿ chica disse...

Linda inspiração!!Pódio pra ti!beijos,chica

Imaginário disse...

Nunca deixe de girar esse arco, seja em que medida for... Lindo.
Abraço.
Gilson.

Sandra Subtil disse...

Lindíssimo!
Beijo no teu coração, minha querida amiga

Mona Lisa disse...

Belíssima e oportuna poesia.

Que ganhem os melhores!

Beijos.