Lugares Bonitos

Lugares Bonitos

http://frasesemcompromisso.blogs.sapo.pt/

O blog da Nina, menina que lia quadrinhos.

quarta-feira, 21 de setembro de 2011

Sabores

clip_image002clip_image004clip_image006clip_image008

De amargo, quero o chocolate

Saudável, gula permitida

Nos dias de inverno. Sem alarde

Segredo ao fogo, convencida.

 

De azedo, quero alho e vinagre,

Tempero a alface recolhida

Ao verde encanto que me cabe

Com sal e azeite na medida.

 

De doce, quero a minha parte

Com gosto na arte pretendida;

Respiro do ar nessa cidade

imensa, ao gelo colorida.

 

Salgado, quero moderar

Ao modo mínimo na vida.

Quem sabe e aprende a bem usar,

Tempera um mar sem despedida.

26 comentários:

Simone butterfly disse...

Boa noite minha Amiga, amo de paixão chocolate e esse texto tem uma pitada toda especial, parabéns....E obrigada pelo carinho de sua amiga hoje e sempre, beijos

Célia disse...

Ah! Yayá... no equilíbrio e na serenidade... quanta sabedoria você desenhou com suas palavras uma santa dieta! Para o corpo e a alma! Beijo, Célia.

Majoli disse...

E na dosagem certa, os sabores ficam sempre deliciosos.
"Quem sabe e aprende a bem usar, tempera um mar sem despedida"
Ficou lindo Yayá!!!

Beijos de uma deliciosa noite.

Paulo Sotter disse...

Lindo e poético. A vida tem sabores em cada momento. Yayá, se fosse por aqui diria que de amargo quero o chimarrão, no mais perfeitas escolhas. Um abraço

Felicidade Clandestina disse...

minha querida, lembro que deixou um recado no Reino - comentando de um selo - fiquei afastada uns dias, mas não esqueci.

fico muito agradecida pelo teu carinho com o espaço.
me alegra muito.

um beijo para você =)

。♥ Smareis ♥。 disse...

Que texto mais doce, delicioso, super dosagem, na medida certa. Echocolate eu amo demais.Desejo uma ótima quinta-feira com final de semana maravilhoso. Bjs!
Smareis

lis disse...

Colocando pitadas de sabores na vida que levamos certamente os dias serão mais saudáveis.Com equilíbrio nas medidas.
Muito criativo e bonito o poema
fico com o sabor chocolate rs
abraços Yayá

MARILENE disse...

Nossa vida é cheia de sabores. Vai sempre depender de nós o tempero certo, aquele que nos pode dar prazer.

Bjs.

Ma Ferreira disse...

Yayá...saborosos temperos para temperar a nossa vida!!

Bj

Lecy'ns disse...

Ola´querida Yayá...

Perfeito texto, escreves com uma maestria de poucos...Parabéns!
Quanto ao chocolate até no verão, derretido mesmo serve!rs..
Bjs no coração.
Lecy'ns

Paulo Francisco disse...

Lindo! Lindo! Adorei o ritmo e os sabores.
Um beijo

Luna Sanchez disse...

Nhoooooooooo...quantos sabores, quanta delícia nessas linhas!

Transformar o cotidiano em poesia é um dom, Yayá, parabéns!

Beijo grande.

andrebdois disse...

liiindo seu blog, parabens!!! :D

Daniel Costa disse...

Interessante poema a revelar arte culinária, bom palato. Que não me falem em chocolate, não sendo guloso, não o posso ver, sem provar.
Beijos

OceanoAzul.Sonhos disse...

Um poema agri-doce, lindíssimo.
Adoro chocolate negro!

beijinhos
oa.s

Fernando Santos (Chana) disse...

Belos sabores, poema Espectacular....
Cumprimentos

@ Escritora disse...

Olá!

A vida e seus sabores...


Bjos com sabor de chocolate

Monja de Clausura Orden de Predicadores disse...

Mi querida Yayá, me ha encantado la receta que nos dejas, eres encantadora y me alegro que estés a mi lado y yo en el tuyo.
Con ternura
Sor.Cecilia

tecas disse...

Querida Yayá,muita sabedoria em seu querer!!!
«De doce, quero a minha parte

Com gosto na arte pretendida;

Respiro do ar nessa cidade

imensa, ao gelo colorida.»

Seus poemas teem excelência natural da arte.
Lindo.
Bjito amigo e uma flor.

Jorge disse...

Muito bem temperado!

Jopz_B1B disse...

um texto saboroso. pra acompanhar jazz com uma das eternas divas.

JOPZ

AC disse...

O tempero da vida é procura de equilíbrio permanente...

Bjs

Patricia O. (Patokata) disse...

Yayá me he deleitado con tus sabores y el salero de tus letras!!

Un abrazo!!

aluap disse...

Uma ementa com combinações de sabores realmente deliciosos e bem apaladados.

Abraço
Paula

Elisa T. Campos disse...

No inverno chocolates e agora na primavera? Deliciar com lindo poema.

Yayá
Eu estava com problemas para postagens e só agora parece que normalizou. Eu não entendo como funciona o selinho. Eu copio e transfiro?

Beijusss.Muito obrigada pelo carinho.

Lídia Borges disse...

Sabe bem, o seu poema!...

Um beijo